Psicologia das cores na Arquitetura: Como usar?

Veja agora como utilizar a Psicologia das cores na Arquitetura como aliado na hora de definir seus projetos de interiores e exteriores.

Você já deve ter se perguntado, afinal, as cores realmente importam ou são apenas para deixar um ambiente colorido? No artigo de hoje irei te mostrar como funciona a Psicologia das cores e como utilizar ela a seu favor e consequentemente ter clientes mais felizes com o resultado do seu trabalho.

Psicologia das cores

Psicologia das cores: O que é?

Existe uma área dentro da Psicologia que estuda como as cores podem afetar ou influenciar pessoas e quais outros efeitos elas podem gerar, fazendo com que seja mais fácil entender o comportamento humano através das cores.

Para cada cor existe um determinado significado, porém cada cor interfere no emocional de cada um.

É completamente normal você gostar mais de uma cor porque as suas marcas favoritas a utilizam, ou gostar menos de outra porque ela te trás más lembranças da infância onde a cor estava presente em uma parede.

E tudo isso é utilizado a favor de quem conhece estes aliados que são as cores, na próxima vez em que você for ao Shopping ou a um centro comercial, pare um minuto e olhe ao seu redor, a maioria das lojas com seus logos, vitrines, móveis e embalagens de produtos, trabalham com cores para te influenciar a compra-las e se lembrar delas, e na maioria das vezes o designer de interiores será responsável pela escolha desta paleta de cores inesquecível.

Psicologia das cores

Psicologia das cores: Características

As cores são um dos principais pilares da decoração, com elas é possível causar efeitos visuais positivos e negativos, por exemplo:

Dimensão de espaço: Com as cores é possível aumentar ou diminuir espaços, transformando a percepção do ambiente, resultando em um observador com a sensação que se está em um local maior ou menor, sendo que ainda terá o mesmo tamanho.

Temperatura: Porque você acha que existem as famosas cores quentes e cores frias, essas determinadas cores tem o poder de causar a sensação térmica do ambiente. Podemos ter está mesma sensação quando utilizamos uma camiseta branca ou uma preta, cada cor irá absorver a temperatura de uma forma.

Iluminação: Cada cor possui uma absorção da luz diferente da outra o que resulta em locais com a aparência de serem mais iluminados ou escuros.

Veja também:  Como [ Lucrar ] com esses 3 tipos de Clientes de Arquitetura

Recordações: Todos temos lembranças, tanto de coisas que já vimos ou o cheiro do feijão da vó, e com as cores não é diferente, em momentos específicos da vida somos marcados pelas cores que vemos, como a cor azul do mar ou a primeira vez que se toma um açaí.

Emoção: As cores são uma dar principais formar de se ativar as emoções humanas, os filmes e campanhas publicitarias são um dos que mais utilizam está característica, para te trazer sensações especificas ou simplesmente fazer com que você se sinta parte de um determinado grupo.

Psicologia das cores: Como saber quais cores combinam

Um dos últimos momentos da construção é a pintura, e como saber quais cores usar e com quais elas irão combinar?

Selecionei especialmente para você algumas ferramentas que podem e irão te ajudar em sua decisão de qual cor usar ou quais possíveis combinações de cores.

Ferramentas

Adobe Color

O Adobe Color é um Website que te ajuda a escolher combinações de cores harmoniosas e atraentes para seus projetos de design, ele está integrado no Photoshop na forma de uma extensão que permite criar, salvar e acessar seus temas de cores. Estas combinações são disponíveis de várias formas desde cores complementares a tríades, caso você queira utilizar mais de uma cor em seu projeto.

 

Psicologia das cores

Coral Visualizer 

Com o aplicativo Coral Visualizer é possível você simular suas próximas cores dentro do seu celular, visualizando pela câmera as paredes já pintadas, como um truque de mágica. Basta conhecer os catálogos de cores, criar combinações, que a realidade aumentada fará todo o trabalho.

 

Psicologia das cores

Paleta de cores digitais da Suvinil

Se você gosta de testar cores diferentes dentro do seu projeto no Sketchup, a Suvinil disponibilizou em seu site, paletas de cores no formato SKP e para Bim, ou seja, prontos para você usar dentro da sua modelagem e ter cores reais.

Psicologia das cores

Psicologia das cores: O que cada cor estimula

Cor azul:

Considerada uma cor fria, provoca a sensação de profundidade. É uma cor sedativa e curativa. Passa o ‘’ar’’ de serenidade e tranquilidade, provoca sono, indicada para pessoas com dificuldades para dormir.

Cor verde:

É o ponto de equilíbrio entre tons frios e quentes, é a cor que mais remete a calma e tranquilidade. O verde é muito usado em quartos, área de lazer, clinica, hospitais, laboratórios.

Cor branca:

Potencializa as cores, por ser neutro. Pode ser utilizado em qualquer ambiente. Representa pureza, tranquilidade, luminosidade, estabilidade, simplicidade. Permite sensação de amplitude, limpeza e claridade.

Cor preta:

Ele não é considerado cor, e sim escassez de luz, usado em grande quantidade traz sensação de tristeza. Se usado em pouca quantidade traz um ‘’ar’’ de sofisticação e elegância. O preto pode ser usado para fazer contraste com o branco ou usado para fazer detalhamento.

Cor cinza:

Considerada uma cor sem vida, uma mistura de preto com branco, não causa nenhum tipo de sensação, é mais usada com outras cores, porém é bastante utilizado em empresas no ramo da tecnologia.

Cor laranja:

É classifica como cor quente, representa calor, energia, fogo. Mais utilizada em cozinha, pois ajuda a abrir o apetite, locais de trabalho e estudo, pois ela auxilia a mente a assimilar novas ideias.

Cor amarela:

Traz sensação de calor, ilumina o ambiente, é considerada a cor mais próxima do branco. Assim como o laranja, ela também é uma cor que estimula o apetite e indicada para cozinhas e restaurantes, lugares de estudos e trabalho. Tem que ser usada com cuidado, pois seu excesso pode causar desconforto visual.

Veja também:  Prancha de arquitetura: 5 passos para diagramar a sua!

Cor vermelha:

Classificada cor quente, representa sangue. É uma cor excitante, traz confiança e força de vontade. Inibe o medo e preocupações, estimula emoções. Mais indicada para ser usada em lugares decorativos, como tapetes, almofadas, piso, trazendo um ‘’ar’’ de erotismo e glamour. Indicada para pessoas retraídas e tímidas.

Cor lilás:

É classificada cor fria, acalma e purifica, mas se usada em excesso pode trazer ansiedade e depressão.
Pode ser usada em qualquer ambiente.

Psicologia das cores: Exemplos

Starbucks: Na logotipo do Starbucks foi utilizado a cor verde pois é associado a natureza o que estimula hábitos mais saudáveis, já a cor marrom remete a tranquilidade fazendo com que o consumidor queira um café para relaxar, e tudo isso com a junção da sereia, que associa ainda mais a empresa com a natureza.

Psicologia das cores

Fanta: A logotipo da Fanta traz uma cor vibrante que atrai consumidores mais animados. A Fanta trabalha da mesma forma com todos os sabores de refrigerante, porém a Fanta laranja ainda é a mais preferida do consumidor e a mais vendida, sendo responsável por 70% das vendas.

Psicologia das cores

Mcdonalds: O Mcdonalds é um restaurante de Fast-Food, e eles deixam isso bem claro na escolha das cores de sua logotipo, o vermelho é usado para criar apetite e gera atenção de emergência, fazendo com as que pessoas entrem, comam e vão embora o mais rápido possível. O amarelo já é usado para retratar o otimismo, tornando a marca mais querida e positiva em relação ao público.

Psicologia das cores

Psicologia das cores: Quais as mais queridas e mais detestadas

Segundo estudos e entrevistas feitas por Joe Hallock em 2003, a cor favorita da maioria da população mundial é a azul, tanto para homens quanto para mulheres, desmitificando a crença de que azul é somente para meninos e rosa para meninas, em segundo lugar os homens preferem verde e as mulheres o roxo.

Já as cores que menos fazem o gosto das pessoas são o marrom para os homens e o laranja para as mulheres.

Psicologia das cores: Qual devo usar?

Considere as características do espaço em questão:

Luzes

Verifique o quanto as luzes estarão presentes em seu ambiente, elas podem interferir no tom final das cores, e deixa-las mais reflexivas.

Dimensões
Se for propenso utilize as cores para dar uma impressão de profundidade, largura e altura, ou para mudar a forma do ambiente aplique uma coloração de tinta em apenas uma parede para dar contraste.

Analise
Cada ambiente terá uma finalidade, para isso analise qual a idade dos moradores, e quais cores poderiam estimula-los em cada ambiente.

Antes de determinar quais cores irá utilizar, você terá que ter feito um bom Briefing com o seu cliente, para destacar qual o perfil, do que ele gosta e quais cores poderiam agrada-lo, se ele for mais extrovertido use cores mais quentes e claras, caso ele seja mais tímido use cores frias e escuras.

Psicologia das cores: Entendendo o seu cliente

Quantas vezes você já foi em uma casa que as cores combinavam e conversavam entre si, garanto que você não se esqueceu dessa decoração por alguns dias, isso tudo acontece porque informações visuais são mais fáceis de serem processadas e armazenadas, por isso devemos usar uma boa paleta de cores em nossos projetos.

Psicologia das cores

Psicologia das cores: Perguntas frequentes

Qual a importância das cores no Marketing?

A importância das cores no marketing é relacionada com o poder de chamar a atenção do potencial cliente, e estimula-lo a fazer a compra, confiando e reconhecendo a empresa. o que deixa as empresas a frente de seus concorrentes.

Veja também:  Revit: o que é, como usar o programa e principais vantagens

Qual o significado de cada cor na Cromoterapia?

O significado de cada cor na cromoterapia tem o objetivo de curar doenças com o auxílio de cores, podemos citar o vermelho que teria propriedades que estimulam, o verde fazendo com que fique mais relaxado e o amarelo o deixando mais alegre.

Qual a importância das cores em nossa vida?

A importância das cores em nossa vida é porque as cores simbolizam algo, por isso no ano novo usamos branco, pois acreditamos que teremos esperança e paz no ano que irá começar, e é assim com cores como o verde que representa natureza e juventude.

Qual o significado das cores no mundo espiritual?

O significado das cores no mundo espiritual é variável, pois se acredita que exista um tipo de cor para cada necessidade, tendo inúmeros significados para cada cor.

Qual a importância das cores no logotipo?

As cores importam em um logotipo porque servem para identificar a empresa, entender a sua proposta e penetrar na mente das pessoas tornando o seu produto inesquecível.

Qual é a cor do medo?

A cor do medo pode ser representada na cor roxa, mas como ele é a mistura das cores vermelho e azul, o roxo acaba também representando poder e apatia.

Qual é a cor do amor?

A cor do amor é o vermelho, é a coloração que mais vemos em um dia dos namorados.

Qual cor usar em um quarto de casal?

Em quartos de casal use cores neutras como o cinza, branco e marrom, esses tons deixam o ambiente mais moderno e sofisticado.

Quais as cores utilizadas no Feng Shui?

As cores utilizadas no Feng Shui são tons quentes como o amarelo, vermelho e laranja, mas cuidado, essas cores podem acabar deixando o ambiente exagerado, então busque utilizar junto com tons neutros para se ter um equilíbrio.

Qual a cor de lâmpada que mais acalma?

A cor de lâmpada que mais acalma, segundo um estudo feito na universidade de Granada na Espanha, chegou á conclusão que lâmpadas com a cor azul podem acalmar.

Extra: Como Escolher as Cores do Projeto?

Conclusão:

Acabamos de ver o que é a Psicologia das cores e quais os significados que se atrelam a cada cor, quanto mais analisamos as opções, mais chegamos perto de alcançar nosso objetivo e criamos um ambiente adaptado para diversas tarefas e para as pessoas que irão utilizar o espaço.