Escala Arquitetura: o que é e como calcular para seus projetos?

Veja nesse artigo como calcular escala na arquitetura, os tipos de escala mais utilizados para desenhos arquitetônicos e também como fazer escala humana para maquete.

Todo bom desenhista deve saber calcular e colocar escalas de um desenho técnico para que a planta baixa saia com suas proporções e medidas certas. Superimportante entender que toda planta baixa deve indicar a escala utilizada pelo projetista. É também importante que você domine esse assunto para poder desenvolver uma planta baixa corretamente e com eficiência.

Escala Arquitetura: O que é?

escala arquitetura o que é

O que é escala arquitetura?

Escala arquitetura é uma relação entre a dimensão usada para representar um espaço, uma edificação ou um objeto e sua dimensão real.

Esse conceito é utilizado na arquitetura para elaboração de projetos que são representados de forma proporcional a sua dimensão real, caso contrário, não teria como representar uma construção com o seu tamanho real impresso no papel. Uma parede de 3 metros demandaria um desenho com 3 metros reais.

Tipos de escala de projetos de arquitetura

A escala de projetos arquitetônicos é a noção utilizada na arquitetura para representar os objetos que podem ser desenhados com suas dimensões em três tipos de escalas: reduzidas, reais ou ampliadas.

Em desenhos de arquitetura, normalmente as escalas de redução são usadas com mais frequência (exceto em desenhos de detalhamentos específicos), onde usamos algumas vezes a escala real ou quando necessitamos obter representações gráficas maiores que os objetos, utilizamos escalas de ampliação.

Escala de redução

escala arquitetura de redução

Muito usada na arquitetura, a escala de redução consegue trazer a ideia de um projeto em sua dimensão real. Imagina como seria possível desenhar uma casa em seu tamanho real? Impossível não é mesmo.

Existem várias escalas para redução, mas nem sempre terá uma escala apropriada devido a proporção do tamanho real e o reduzido.

As escalas de redução mais utilizadas são:

  1. 1:50;
  2. 1:100;
  3. 1:200;
  4. 1:500.

Na prática, os arquitetos utilizam certa escala para adaptação de redução.

Veja também:  Contrato de Arquitetura: Modelos e 6 Dicas certeiras!

Escala real

A escala real permite um grau de detalhamento avançado, a aproximação do projeto a realidade em relação aos materiais, encaixes, e o modo de como devem ser feitos. O uso desse tipo de escala é mais comum nas etapas mais avançadas de projeto.

Escala de ampliação

Pouco utilizada na arquitetura, a escala de ampliação é usada para referenciar algo maior do que realmente é, essa escala mostra com clareza detalhes de algo muito pequeno ou quando precisamos evidenciar algo como por exemplo a colocação de pequenas peças ou desenhos de pastilhas.

Quando alguém perguntar o que é escala 2-1, significa que o desenho está 2 vezes maior que o objeto real.

Escala 1:50

escala arquitetura 1:50

Escala Arquitetura 1:50

A escala 1:50 é a mais usada na arquitetura para plantas baixas, cortes e fachadas, onde 1m corresponde a 2 cm, ou seja, o tamanho real é reduzido 50 vezes.

Escala 1:100

escala arquitetura 1:100

Escala Arquitetura 1:100

Na escala 1:100, 1m corresponde a 1 cm, ou seja, o tamanho real é reduzido 100 vezes. Essa escala é usada quando a escala de 1:50 torna-se inviável, pois geralmente são objetos ou ambientes mais amplos, lotes, implantações e grandes áreas.

Escala 1:200 

Na escala 1:200, 1m corresponde a 0,5cm, ou seja, o tamanho real é reduzido 200 vezes. Essa escala serve para deixar mais evidentes os elementos compositivos do projeto, as formas de seus volumes, características da cobertura das construções e relações espaciais de cheios e vazios conseguindo representar a implantação dos projetos.

Escala 1:500

Essa é onde trabalhamos projetos urbanos e condomínios onde 1m corresponde a 0,2cm, ou seja, o tamanho real é reduzido 500 vezes. Esse tipo de escala é ideal para grande parte das apresentações de plantas de situação de edifícios.

Como calcular escala de projetos de arquitetura?

escala arquitetura como calcular

Como calcular escala arquitetura para projetos arquitetônicos?

Para atingir bons resultados e não fugir da realidade, um projeto arquitetônico deve ter três características básicas: tamanho do objeto, dimensões do papel e desenho feito de maneira clara e precisa.

Para calcular um projeto arquitetônico, vamos considerar um objeto de 20 metros, vamos usar uma folha A3 (297mm x 420mm) considerando o tamanho maior da folha que é 420 mm, vamos usar uma margem de 10mm, nossa área livre para criar a escala é de 400mm.

No cálculo temos que considerar que não seria possível desenhar no papel (400mm ou 40cm) um objeto (20 m) com tamanho maior que ele mesmo.

Então podemos reduzir o objeto do seu tamanho real de forma simples. Vamos dividir a grandeza total pelo tamanho da área útil do papel: onde 20m corresponde a 2000 cm e 400 mm é igual a 40 cm, temos 2000/40= 50 sendo assim usaremos a escala de 1:50.

Veja também:  Projeto Hidrossanitário: Como fazer e 10 dicas de boas práticas

Se nosso objeto fosse de 80 m e a área útil do papel de 40 cm, logo nossa escala seria de 1:200.

Quais as escalas recomendadas para desenho arquitetônico?

O desenho de arquitetura, por sua natureza, em sua maioria só utiliza escalas de redução. Na prática, arquitetos buscam utilizar determinadas escalas para adaptação de redução pelo fato de que nem todas as escalas se adequam a todos os projetos justamente pela relação de proporcionalidade entre tamanho real e reduzido. Sendo assim as mais usadas são:

  • 1:50;
  • 1:100;
  • 1:200;
  • 1:500.

Escalímetro (régua de escala): como usar?

escalímetro régua de escala arquitetura

O escalímetro ou régua de escala é uma régua triangular de três faces e seis escalas diferentes utilizada para medir e fazer representações gráficas ampliadas ou reduzidas, mantendo a proporcionalidade.

É utilizado principalmente em desenho técnico auxiliando na elaboração de projetos em geral e para a interpretação de medidas em projetos já prontos.

O primeiro passo para usar o escalímetro é entender o conceito de escala arquitetura.

Além disso, é necessário que se conheça a escala em que se deseja desenhar ou a escala em que o desenho foi projetado.

O escalímetro representa no papel uma parte real de uma determinada área ou objeto mantendo as proporções de acordo com os seus respectivos tamanhos.

Quais são as escalas do escalímetro?

O escalímetro pode ser encontrado em 5 tamanhos:

  • Número 1 – 1:20, 1:25, 1:50, 1:75, 1:100, 1:125;
  • Número 2 – 1:100, 1:200, 1:250, 1:300, 1:400, 1:500;
  • Número 3 – 1:20, 1:25, 1:33, 1:50, 1:75, 1:100;
  • Número 4 – 1:500 1:100 1:1250 1:1500 1:2000 1:2500;
  • Número 5 – 3/32″ 3/16″ 1/8″ 1/4″ 3/8″ 3/4″ 1/2″ 1″ 11/2″ 3″.

Mas a maioria dos fabricantes produz apenas os três primeiros, cada um contendo escalas diferentes que são utilizadas para diferentes aplicações: sendo número 1 o mais usado por arquitetos e engenheiros.

Escala humana no desenho de arquitetura: como aplicar?

escala arquitetura escala humana desenho

Desenho escala arquitetura humana

Entre várias maneiras de criar um projeto arquitetônico, priorizar o ser humano é fundamental para que se consiga elaborar um projeto bem-sucedido.

Quando o arquiteto inclui figuras humanas em seus projetos, em seus desenhos, compreendemos a escala em relação ao nosso corpo, dando assim um sentido melhor de escala e ambiente para o projeto de arquitetura.

Se compararmos desenhos diferentes, vamos encontrar diferenças na forma do corpo, isso acontece porque os arquitetos se projetam na figura humana.

Veja também:  Projeto de Paisagismo: O que é e Como fazer em 4 passos?

Para muitos arquitetos a definição do que é escala humana é basicamente considerar primeiro o fator humano dentro do projeto, baseando-se em seu tamanho, emoções e sentidos, afinal o tudo que se é projetado será usado por pessoas. Este é o princípio básico da escala humana na arquitetura.

Na hora de aplicar a escala humana temos que considerar outros padrões que devem ser levados em conta na arquitetura como desenho técnico e a escala usada no projeto.

Como fazer escala humana para maquete?

escala arquitetura escala humana maquete

Escala arquitetura humana para maquete: como fazer?

A maquete é uma opção de mostrar um projeto de forma mais precisa, sendo possível que o arquiteto represente suas ideias de maneira mais clara, exibindo dados como dimensões de objetos em relação a parede e outros elementos.

A escala humana tem relação direta com tamanho de paredes, pavimentos e outros detalhes que envolvem o desenho do projeto.

Cada arquiteto tem seu próprio estilo de trabalho, tendo a base no conceito que traz a figura humana como centro do projeto arquitetônico, permitindo assim que a arquitetura esteja a serviço de atender as suas necessidades e desejos.

Existem várias formas de representar a escala humana em uma maquete, do simples ou sofisticado.

Maquetes prontas são facilmente encontradas em papelarias, a escala humana vêm diversificadas em gênero, idade e biótipo.

Para escala humana em 3D, basta usar um software de desenho, e adicionar a figura humana ao projeto e salvar.

Outra maneira inovadora de apresentar seus projetos é através da realidade virtual. Aprenda como usar a realidade virtual na arquitetura e encantar seus clientes.

Conclusão

É fundamental usar a escala na arquitetura. Espero que tenha você tenha gostado e que essas dicas possam ter te ajudado.

Ficou com alguma dúvida? É só deixar seu comentário abaixo e nós te ajudaremos.

Um abraço, até mais.